Não Desista, Não

Por: Andresa Rocha sexta-feira, maio 06, 2016

Não desista, não. Sei que está difícil no momento; na mesma hora em que tudo está bem o chão bambeia aos seus pés e você está em cima do muro novamente, pendendo de um lado a outro, pronto para cair na escuridão mais uma vez. Não pule... Você estava indo tão bem ultimamente! Por que essa vontade de subir lá e se deixar sucumbir por sentimentos que te deixam tão mal?

Não, você não é inútil, se fosse, qual o motivo de estar aqui na Terra? Você também não veio para cá por acaso, acredite. Seu livro da vida está em branco, ou sem graça, porque você o deixou desse modo, mas isso pode mudar.


O vento insiste em te empurrar, mas você é mais forte que ele, mais rápido e mais inteligente. Se isolar para que quando há tantas oportunidades lá fora esperando por você? Que tal ligar para aquela pessoa que você tanto gosta, pedir desculpa a alguém que seu orgulho bobo o impediu de fazer há tempos, ou simplesmente desabafar com a primeira pessoa que você ver a partir desse exato momento?

A irritação começou a surgir e você está cansado, quer correr e se esconder no seu templo sagrado, mas não vá. Não vê que é apenas sua mente lhe sabotando novamente? Lembre-se: você tem o poder de controlá-la, não o contrário. Só mais um pouco, você consegue sim, eu acredito em você!

Se acomodar é mais fácil, seguro... mas não é saudável. Você não quer se sentir daquela forma novamente, se isolar, achar que ninguém se importa e que está esquecido no mundo. Quer saber a verdade? Não foi o mundo que te esqueceu, você que se abandonou e não lembra mais como era ser feliz, quando as coisas faziam sentido ou a tristeza não era um estado de espírito, e sim uma coisa passageira.

Você não conhece a nova pessoa ao qual se tornou, por que confiar nela cegamente e ceder às vontades que tanto lhe machucam?

Resgate seu verdadeiro eu nessa massa cinzenta que está sua vida, trate de ocupar a mente e espante os pensamentos ruins. Acabou a pausa, você já descansou, é hora de continuar andando. Se perca em um livro, num filme, uma saída casual, sentar na areia da praia para sentir a brisa no rosto, uma ida ao parque para respirar vida, conversar com alguém, conhecer uma pessoa ou um lugar diferente... Só não se perca em você mesmo novamente.

Não coloque um ponto final onde há um ponto-e-vírgula, a pausa pode existir sim, respirar fundo nesse tempo é essencial, mas lembre-se de retornar e seguir em frente. Os lápis de cor para preencherem as páginas vazias do livro da sua vida estão espalhados por aí, comece a busca para encontrá-los.

Sei que posso, o chão até parou de tremer e o vento abrandou. Desço do muro, olho ao meu redor e sorrio. Sinto-me abraçada pela antiga eu, vou lutar por ela, vou à procura das cores para libertá-la. A cada lápis encontrado, sei que estou mais próxima dela que nunca.


21 comentários

  1. Mais um texto lindo! Acho q o vídeo viral da Taci motivou todo mundo! E vc soube descrever isso muito bem. Passei por esse dilema ~ ainda estou passando rsrsrs ~ e tbm escrevi um texto bacana lá no blog, chama-se 'A Carta' ~ imagina uma carta sua de qd vc estava feliz para os dias ruins! ~ ficaria mto feliz se desse uma passarinha por lá. Bjoks
    www.acheiaspalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Lu! Não cheguei a assistir o vídeo, mas darei uma olhada assim que tiver um tempinho de sobra. Esse texto meio que foi uma tentativa desesperada minha de não voltar à tristeza, fiquei no limiar, como ele mesmo diz, e graças a Deus não caí novamente!
      Beijão. ;)

      Excluir
  2. Adorei o texto! Realmente, sair da zona de conforto é sempre difícil, mas a sensação de ter conseguido é sempre melhor. Muitas vezes as coisas ao redor podem nos desanimar, mas nada é tão bom quanto a sensação de dever cumprido!
    Beijinhos
    http://talitascoralick.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato! Você pode achar que é o maior obstáculo do mundo e ficar com medo de tentar passar por cima dele e fracassar, mas no momento em que você luta contra isso e vence a batalha... A sensação boa que sentimos depois é indescritível!
      Beijão! <3

      Excluir
  3. Obrigada! Obrigada por escrever esse texto,confesso que estou sem tempo agora e não ia ler,mas algo quis insistir em minha atenção. Li com calam e a cada palavra meditei nas minhas provas.Obrigada por dar força pro meu ser.Por abri meu olho e meu coração. Obrigada!

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada a você por ter dado uma chance ao meu texto! Fico muito feliz por algo ter acendido dentro de você, agora faça de tudo para essa chama não apagar. ;) Se precisar desabafar, estou por aqui.

      Excluir
    2. Ain, será que pode me chamar no whatsapp?
      45 9929-3823

      Excluir
  4. Amei o seu texto, de verdade! Meditei ao ler suas palavras :3 Aliás, te conheci no Tumblr, fiquei feliz ao ver seu blog.

    Beijos, linda!
    http://blogcestlavieamour.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que tenha chegado a boas conclusões com o meu texto, hahaha. Do Tumblr? Que legal! Seja bem-vinda ao meu novo cantinho então. <3
      Beijão! ;)

      Excluir
  5. Os dois primeiro parágrafos me fizeram desabar! Lindo texto, parabéns! E desse texto só me lembrou que pro mundo ser colorido, depende de nós! <3

    garotaveneta.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, moça! Sim, o nosso destino está em nossas mãos, por mais que algumas vezes nós duvidemos disso. ;)

      Excluir
    2. Arrasou! Super concordo <3

      Excluir
  6. Ai que lindooo!! É verdade mesmo, tudo depende da nossa força de vontade e do nosso foco! Mil Beijos!!

    http://blogdolcedulce.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, moça! Força de vontade é tudo, hahaha.

      Excluir
  7. O texto é muito tocante! E sim! A pausa pode existir!
    Parabéns!

    http:paposparalelos1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, moço! Pois é, só não podemos nos perder enquanto descansamos. ;)

      Excluir
  8. Dezza que texto M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!! Eu amei, e confesso que fiquei com os olhos marejados aqui, você tem esse dom de comover quando escreve. É amiga, estou nessa fase de pause e infelizmente não tô conseguindo sair dela... Mas você tem razão, em tudo...
    Parabéns pelo texto!

    P.S.: Seu blog tá um amor! #Xonei sz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, miga. Às vezes a gente cai no buraco, tem a possibilidade de sair dele sozinho, mas não nos permitimos sair. Realmente complicado. :/ Obrigadaaaa! <3

      Excluir
  9. É isso aí, mente vazia nunca
    www.omliteratura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como diria aquele ditado: mente vazia oficina do diabo, hahaha.

      Excluir

Obrigada por comentar! Você será respondido em breve.